Saiba o que colocar em seu currículo acadêmico

currículo lattes

O que você prioriza na hora de montar um currículo? Seus dados pessoais? Formação acadêmica? Experiências profissionais? De fato, tudo isso é importante quando se busca oportunidades no mercado de trabalho. Mas, se você pretende seguir carreira como professor universitário ou pesquisador, então, precisa ter um currículo acadêmico.

Este modelo costuma ser bastante distinto de um currículo profissional. Justamente por isso, pode causar certa confusão entre os universitários, afinal, nem todos estão habituados a ver esse tipo de currículo. Alguns sequer sabem que existe um modelo específico para a carreira acadêmica.

Se você chegou até aqui, é porque provavelmente tem dúvidas em relação a esse assunto. Portanto, leia esse artigo até o final e saiba que tipo de experiências você deve registrar para aumentar suas chances de sucesso na carreira.

Qual a diferença entre os currículos?

Os currículos acadêmicos e profissionais têm diferenças que vão além do modo como são formatados. O fato de incluírem informações distintas é porque também têm funções particulares. Veja quais são as principais diferenças entre eles.

Currículo profissional

O currículo profissional, também conhecido como currículo vitae, tem como principal objetivo apresentar suas habilidades ao mercado de trabalho. Por isso, o documento deve sintetizar informações como formação acadêmica, experiências profissionais, cursos e outros aspectos que sejam considerados relevantes para a profissão.

Em síntese, esse tipo de currículo fornece ao recrutador uma visão ampla de sua trajetória educacional e profissional. Isso ajuda a conhecer melhor o candidato, ao mesmo tempo que indica de forma clara e objetiva, se a pessoa possui os requisitos necessários para ocupar o cargo.

A formatação desse tipo de currículo normalmente é livre, exceto quando a empresa fornece um modelo a ser preenchido. Porém, independente da forma, é importante incluir as informações mais relevantes para vender uma boa imagem.

Currículo acadêmico

O currículo utilizado no âmbito acadêmico têm como objetivo detalhar sua trajetória educacional e científica. Este, é muito importante, uma vez que, este modelo é utilizado em processos seletivos de mestrado e doutorado. O documento também é examinado em concursos públicos para professores universitários e pesquisadores.

Na prática, esse currículo serve para mostrar à comunidade acadêmico-científica suas áreas de interesse em pesquisa, suas produções e contribuições. Por tanto, é preciso descrever sua trajetória acadêmica em detalhes, incluindo não somente sua graduação e pós-graduação, mas também seus projetos de pesquisa, iniciação científica, participação em eventos, prêmios, artigos, livros publicados, entre outros.

A formatação desse tipo de currículo já não é tão livre quanto a do profissional. Deve-se, portanto, observar um padrão, afinal, há um nível maior de rigor com relação às normas no meio acadêmico.

Por que é importante ter um Currículo Lattes?

No ambiente universitário é muito comum falar do Currículo Lattes. Em algumas faculdades, ter seus dados na plataforma chega a ser uma exigência para que o aluno consiga participar de projetos de pesquisa, receber bolsas de estudo ou se inscrever em programas de mestrado e doutorado. Afinal, por que o Currículo Lattes é tão importante?

A plataforma foi criada pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) com objetivo de centralizar os dados de toda a comunidade acadêmica e científica no Brasil. Portanto, lá estão registradas as informações de graduandos, pós-graduandos, mestrandos, doutorandos, pesquisadores acadêmicos e profissionais da área de licenciatura.

O Lattes tornou-se tão relevante que, hoje, se você não tem seu currículo inserido na plataforma, é como se não existisse na comunidade acadêmica. Por isso, a ferramenta é imprescindível para quem pretende seguir carreira como professor universitário ou pesquisador.

Quando e como criar um Currículo Lattes

currículo acadêmicoA plataforma Lattes oferece opções para criar um currículo acadêmico detalhado. Para fazer seu cadastro, basta acessar o site e clicar em “cadastrar novo currículo”, na barra lateral à direita da tela. Porém, é comum ter dúvidas com relação ao preenchimento dos dados, sobretudo porque é preciso estar habituado ao vocabulário acadêmico.

Portanto, é recomendado criar seu currículo já no primeiro período da graduação. Assim você vai preenchendo seu Lattes aos poucos, ao mesmo tempo em que se familiariza com a plataforma.

Cada nova informação inserida é checada pelo CNPq e liberada em seu currículo público em até 48 horas. Por isso, é muito importante que os dados sejam precisos. Sendo assim, antes de fazer qualquer atualização, reúna todos os documentos necessários, como diplomas e certificados.

Se houver qualquer dúvida com relação ao preenchimento, não hesite em procurar ajuda. Recorra a professores, orientadores ou até mesmo a colegas mais experientes.

O que não pode faltar em seu currículo acadêmico

Até aqui, já deu para perceber que os currículos acadêmicos devem trazer informações detalhadas sobre aspectos de sua trajetória educacional. Mas, você sabe exatamente o que pode e deve ser incluído? Veja agora algumas dicas sobre o que não pode ficar de fora:

Dados pessoais

Seus dados pessoais são as informações que dizem sobre você. Esses dados são básicos, tanto em currículos acadêmicos quanto em profissionais. Trata-se do seu nome completo, idade, endereços (residencial e profissional), telefones, e-mail, entre outros.

Formação

Sua formação acadêmica é outro ponto importante do currículo. Aqui você deve inserir informações sobre seus cursos de nível superior, como graduação, pós-graduação, mestrado e doutorado. Deve ser informado o nome do curso, a instituição de ensino, a data de início e a data de conclusão (consolidada ou prevista).

Se houver a apresentação de monografia ou trabalho de conclusão de curso, também deve constar o título do trabalho e o nome do orientador.

Cursos extracurriculares

Procure indicar todos os cursos extracurriculares que você fez, dentro e fora da universidade. Para isso, insira o nome do curso e a quantidade de horas. Não se esqueça de guardar todos os certificados, pois eles podem ser solicitados em algum momento.

Iniciação científica

Durante a graduação, é comum se envolver em projetos de iniciação científica. Nesse caso, é importante detalhar seus trabalhos nesta modalidade, incluindo o título do projeto, resumo, nome do orientador e de outros participantes, se houver.

Educação continuada

Os cursos de especialização, aperfeiçoamento e atualização profissional também devem entrar em seu currículo. Portanto, procure identificar o nome do curso, a instituição de ensino e a duração.

Trabalhos publicados

Quem pretende seguir carreira acadêmica não deve medir esforços para publicar seus trabalhos. Artigos científicos resultados de projetos de pesquisa podem ser publicados em anais de congressos, periódicos ou revistas especializadas. Nesses casos, cada publicação deve ser inserida no currículo, contendo o nome do trabalho, o local onde foi publicado e os nomes de outros autores.

Livros publicados

Assim como os trabalhos, os livros publicados representam importantes avanços na carreira acadêmica. Sendo assim, inclua essas informações, mesmo que tenha escrito apenas um capítulo ou o prefácio do livro. Informe título, editora, data de publicação, cidade e, se for o caso, o nome de quem organizou a obra.

Trabalhos que orientou

Depois de conquistar o título de mestre ou doutor e atuando como professor universitário, é possível que você peguecurrículo lattes alguns trabalhos de alunos para orientar. Isso também deve constar em seu Lattes, incluindo os nomes dos orientandos, títulos e resumos dos trabalhos.

Eventos científicos

A presença em eventos científicos também é muito importante, pois demonstra seu interesse pelos estudos daquela área. Portanto, inclua sua participação em congressos, simpósios, semanas acadêmicas, seminários, palestras, painéis, entre outros. Indique sempre o nome do evento, a data em que ocorreu, o local e qual o seu papel (ouvinte, convidado, mediador, etc).

Prêmios e menções honrosas

Os prêmios e menções honrosas relativos a sua atuação acadêmica representam o reconhecimento de seu bom trabalho. Portanto, essas informações devem ser incluídas com destaque em seu currículo. Procure informar o nome do prêmio, a categoria, a instituição responsável pela premiação, a data de recebimento e o motivo.

Tudo pronto para montar seu currículo lattes? Conheça as especializações do Instituto IPB e incremente seu currículo com cursos nota máxima no MEC.

Compartilhe:

Avenida Dom Pedro II 3973 SL 401 Carlos Prates Belo Horizonte/MG CEP: 30710-535

0800 944 5006

(31) 97584-3344

atendimento@institutoipb.com.br